Entrar em 2017 duas vezes? É possível mas caro

E se pudesse entrar duas vezes no ano que aí vem? Agora já é possível. Precisa só de uns milhares de dólares e paciência para estar dentro de um avião durante muitas horas.

Se 2016 foi assim tão mau, agora há solução. E se não foi mau, também há solução: celebrar a passagem de ano duas vezes, a bordo de um avião. Tudo o que precisa é de um grupo de amigos e de… 185 mil dólares.

Trata-se de um voo privado, só de ida, de Sydney para Los Angeles. Esta é uma maneira pouco convencional de passar o ano, até porque a grande maioria das pessoas celebra uma única vez as doze badaladas, mas é uma oportunidade para “viajar no tempo” nesta ocasião especial.

Num post do site da PrivateFly, a empresa revelou os detalhes desta viagem de um trajeto, cujo itinerário pode seduzir qualquer um.

A viagem tem início na Austrália, em Sidney, e é feita num avião Gulfstream G650ER, um dos jatos privados mais rápidos que existem atualmente. O destino é a Califórnia, mais especificamente Los Angeles, que fica a uma distância de 19 horas de voo.

https-%2f%2fblueprint-api-production-s3-amazonaws-com%2fuploads%2fcard%2fimage%2f331484%2fa275a8ec-8b77-4b8f-972d-0128ec6fc5f6

Tendo em conta a viagem, feita sem ter em conta a Linha Internacional de Data, uma linha imaginária na superfície terrestre que implica uma mudança de data ao cruzá-la, é possível celebrar a passagem de ano por duas vezes: quando começa a viagem e quando aterra no destino.

Carol Cork, diretor de Marketing da PrivateFly, disse que “esta é a última tendência no luxo em 2017, em duas das mais excitantes cidades do mundo”, cita a Mashable.

A viagem pode ser longa, mas o G650ER reúne as condições necessárias para um voo… animado. Tem 14 lugares e 16 janelas panorâmicas, equipamentos de vídeo e áudio de alta definição e 26 ecrãs de televisão. Aos viajantes pode ainda ser oferecida uma seleção de vinhos, champanhe e comida.

E agora… pronto para levantar voo?

Editado por Mariana de Araújo Barbosa (mariana.barbosa@eco.pt)

Comentários ({{ total }})

Entrar em 2017 duas vezes? É possível mas caro

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião