Mercedes atualiza GLA. Chega em março

A Mercedes apresentou o restyling do seu SUV compacto. Quatro anos depois do nascimento, a marca atualizou o modelo, mas manteve os argumentos no que toca às motorizações.

O GLA ainda é relativamente recente no mercado, mas vai ser renovado. A Mercedes apresentou o restyling do seu SUV compacto: são pequenas alterações estéticas. Na mecânica, os motores continuam a ir do pequeno diesel, muito eficiente, até ao “monstro” do 45 AMG.

Foi apresentado pela primeira vez em 2013 mas, quatro anos depois, surge a primeira atualização estética do GLA. “O SUV compacto ganha uma maior presença e a carroçaria impressiona com um idioma de design significativamente mais expressivo”, diz a fabricante em comunicado. A nova versão deverá chegar ao mercado nacional no final de março.

Que mudanças são essas? No exterior, o destaque vai para a dianteira que passa a contar com uma grelha mais imponente, tendo sido também redesenhados os faróis que agora passam a poder ser de LED, a mesma tecnologia que passou a estar presente nos farolins traseiros.

“O GLA é caracterizado pelo design marcadamente desportivo, pela agilidade e também pela vasta gama de opções de personalização”, diz a marca, sendo essas opções uma realidade tanto no exterior como no interior também ele renovado. A Mercedes destaca os “novos revestimentos dos bancos, os acabamentos e também os apontamentos cromados”.

A tecnologia a bordo também é melhorada. “O ecrã multimédia de 20,3 cm (8″) é extremamente fino e de fácil leitura, tais como os novos instrumentos analógicos com ponteiros vermelhos”, refere. O GLA conta com uma “câmara de 360 graus grava a zona circundante ao veículo, que posteriormente é apresentada numa única imagem ou dividida em sete perspetivas diferentes no ecrã multimédia”.

Do diesel ao 45 AMG

A nível de motorizações, a Mercedes não mexe. Apresenta uma seleção vasta de motores no seu segmento — desde o modelo de entrada de gama Mercedes-Benz GLA 180d com 109 cv e 103 g/km de emissões de CO2 ao mais potente, o modelo Mercedes-AMG GLA 45 4MATIC com 381 cv.

Enquanto a versão diesel GLA 180d é “o campeão da eficiência do seu segmento com apenas 103 g/km de CO2”, o mesmo não se pode dizer do modelo mais potente que também viu a sua estética desportiva reforçada com esta atualização: há um “novo desenho do para-choques dianteiro e o spoiler no tejadilho”.

“Com uma potência máxima de 381 cv e um binário máximo de 475 Nm, o Mercedes-AMG GLA 45 4MATIC é um dos modelos mais potentes do seu segmento”, diz a marca em comunicado. Este SUV compacto é capaz de acelerar dos 0 aos 100 km/h em apenas 4,4 segundos. É rápido.

PUB

Comentários ({{ total }})

Mercedes atualiza GLA. Chega em março

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião