Novo Banco vai liquidar dívida emitida com ajuda do Estado

  • ECO
  • 20 Janeiro 2017

A instituição liderada por António Ramalho vai liquidar em fevereiro a última tranche de dívida emitida com garantia estatal. Vai reembolsar mais 1.500 milhões de euros.

O Novo Banco vai reembolsar em breve obrigações emitidas com garantia estatal. Será liquidada em fevereiro a última tranche destes títulos, colocando assim um ponto final nas ajudas do Estado ao banco liderado por António Ramalho que está em processo de venda.

O banco prepara-se para reembolsar 1.500 milhões de euros em dívida, refere o Jornal de Negócios (acesso pago). Este novo reembolso segue-se a dois outros realizados no final do ano passado, em novembro e dezembro, em resultado da “folga de liquidez” da instituição.

Com a extinção da última linha de obrigações garantidas, que acontecerá a 17 de fevereiro, diz o mesmo jornal, acabam as ajudas do Estado ao Novo Banco, isto depois da extensão do prazo destas mesmas emissões ter obrigado o Estado a negociar compromissos com Bruxelas.

Apesar de acabar com a ajuda estatal, a instituição continuará sob a tutela da Direcção-Geral da Concorrência da União Europeia até ao final de junho. Antes disso, deverá haver avanços no processo de venda do banco.

Comentários ({{ total }})

Novo Banco vai liquidar dívida emitida com ajuda do Estado

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião