Onde estão as cartas que explicam o novo valor das pensões?

Algumas já foram entregues, outras só chegam com a declaração anual do IRS, que deve ser enviada este mês.

Muitos pensionistas ainda não receberam as prometidas cartas da Segurança Social que explicam o que muda no valor da sua pensão.

Ao ECO, fonte oficial do Ministério do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social afirma que os pensionistas que veem a sua reforma paga por vale postal já receberam a carta, que seguiu em conjunto. A emissão de vales é feita entre o primeiro dia útil do mês e dia 12.

Porém, esta forma de pagamento só abrange cerca de 21,5% dos pensionistas. Dados do Ministério do Vieira da Silva indicam que 71,5% dos reformados recebem por transferência bancária (7% recebe por outras vias).

Neste caso, as cartas também já começaram a ser enviadas, acrescentou fonte do Ministério. Estas pessoas vão receber a explicação do novo valor da pensão em conjunto com a declaração anual de IRS, a entregar ainda este mês.

As pensões da Segurança Social pagas por transferência bancária chegam no dia 10. No caso da Caixa Geral de Aposentações, o pagamento é feito a 19.

O valor das pensões em janeiro pode levantar dúvidas, uma vez que difere do habitual. Ainda que a maior parte das reformas até aumente 0,5% a partir deste mês, o valor a pagar agora poderá ser mais baixo. Isto acontece porque, em 2017, só metade do subsídio de natal é pago em duodécimos — em 2016, todo o subsídio foi pago ao longo dos 12 meses. A compensação será feita mais tarde, quando os pensionistas receberem, de uma só vez, a outra metade do seu subsídio (novembro, no caso da CGA, e dezembro, no caso da Segurança Social).

Para explicar estas mudanças, o Governo elaborou simulações e o ministro do Trabalho até já fez um vídeo:

 

 

PUB

Comentários ({{ total }})

Onde estão as cartas que explicam o novo valor das pensões?

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião