“Fatura da Sorte” anda à roda. Veja onde já saiu

Tem pedido faturas com número de contribuinte? Então, pode terminar o ano com mais dinheiro "no bolso". As Finanças vão realizar o último sorteio do ano. Há 220 mil euros a distribuir em certificados.

2016 está a acabar, mas antes de dar as boas-vindas ao novo ano ainda pode aumentar o saldo da conta bancária. Não é preciso jogar no Euromilhões. Basta ter pedido, ao longo deste ano, faturas com o número de contribuinte, ficando assim elegível para o último sorteio do ano da “Fatura da Sorte”. Um sorteio em que há 220 mil euros para distribuir em Certificados do Tesouro Poupança Mais (CTPM).

“No próximo dia 29 de dezembro vai realizar-se o segundo sorteio extraordinário da ‘Fatura da Sorte’ de 2016”, diz a Autoridade Tributária através de e-mails enviados aos contribuintes. “Serão sorteados três prémios no valor de 50.000 euros, cada, o habitual prémio do sorteio regular semanal no valor de 35.000 euros, bem como um segundo prémio no valor de 35.000 euros, correspondente a um prémio não reclamado”, nota.

Ao todo, são 220 mil euros… em CTPM. Ou seja, se o seu cupão for um dos contemplados entre os 2.288 milhões a concurso, o dinheiro não vai para a sua conta no banco. Fica depositado na Agência de Gestão da Tesouraria e da Dívida Pública, em títulos de dívida pública que apresentam uma remuneração média de 2,25% em cinco anos. No primeiro ano não pode resgatar os títulos. No final recebe o dinheiro mais os juros (a uma taxa bruta de 1,25%)

Estes prémios foram a forma encontrada para tornar “mais eficaz o combate à economia paralela”. Inicialmente, durante o Governo de Passos Coelho, em vez de títulos de dívida pública portuguesa eram automóveis, mais especificamente Audi A4 e A6 nos sorteios extraordinários, como o que acontece esta quinta-feira. A troca foi feita em abril, dois anos depois do lançamento da “Fatura da Sorte” que já premiou 155 contribuintes.

Foram entregues 118 Audi, sendo que Lisboa e Porto acabaram por ficar empatados na contabilização de “topos de gama” do Fisco com cada um destes a receber oito automóveis novos. Considerando os distritos, aí o resultado é diferente, com vantagem para a região de Lisboa – Sintra, Vila Franca de Xira e Amadora com seis, cinco e quatro Audi, respetivamente.

No caso dos CTPM, a conclusão é muito semelhante, mas mais uma vez há uma vantagem para a capital. Só em Lisboa (cidade), saíram cinco prémios, mais do que os quatro conquistados no Porto. E Lisboa foi onde saiu um dos três prémios de 50 mil euros do sorteio extraordinário de junho que premiou também contribuintes em Vila Franca de Xira e Melgaço. Sintra conquistou quatro prémios e Vila Franca de Xira ficou com três.

Veja onde saíram os certificados da “Fatura da Sorte”

2016dez28_certificados-do-tesouro-01

 

Comentários ({{ total }})

“Fatura da Sorte” anda à roda. Veja onde já saiu

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião