Presidente do Turismo do Norte detido até conhecer medidas de coação

  • ECO
  • 23 Outubro 2018

Contrariamente aos restantes arguidos da Operação Éter, que vão aguardar pelas medidas de coação em liberdade, Melchior Moreira vai ficar detido.

O Presidente do Turismo do Porto e Norte de Portugal, Melchior Moreira, vai aguardar pelas medidas de coação detido, no âmbito da Operação Éter. De acordo com as notícias avançadas esta terça-feira por vários jornais, as medidas de coação vão ser conhecidas esta quinta-feira, pelas 16h, altura em que os restantes arguidos — que foram libertados –, devem apresentar-se no TIC do Porto.

Os restantes arguidos deste processo vão aguardar julgamento em liberdade. Isabel Castro e Gabriela Escobar, diretora operacional e jurista do Turismo do Porto e Norte de Portugal, respetivamente, Manuela Couto, administradora da W Global Communication e José Agostinho, da Tomi World, de Viseu. Todos os detidos têm vindo a negar quaisquer legalidades.

Em comunicado, a PJ refere que os cinco detidos no âmbito da designada operação “Éter”, estão indiciados por crimes de corrupção e participação económica em negócio em procedimentos de contratação pública no Norte do país. Com este esquema pretendia-se “favorecer primacialmente grupos de empresas, contratação de recursos humanos e utilização de meios públicos com vista à satisfação de interesses de natureza particular”, referiu.

À Lusa, fonte policial disse que em causa estão crimes de corrupção, prevaricação, falsificação de documentos, tráfico de influências, recebimento indevido de vantagem e participação económica em negócio em procedimentos de contratação pública no Norte do país.

Na operação policial realizaram-se 11 buscas, domiciliárias e não domiciliárias, nas regiões de Porto, Gaia, Matosinhos, Lamego, Viseu e Viana do Castelo, e estiveram envolvidos 50 elementos da PJ, incluindo inspetores e peritos informáticos, financeiros e contabilísticos.

Comentários ({{ total }})

Presidente do Turismo do Norte detido até conhecer medidas de coação

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião