Universo Espírito Santo volta a ser alvo de buscas. Já há 17 arguidos

  • ECO
  • 23 Junho 2017

O Ministério Público regressou às investigações em torno do Universo espírito Santo, tendo feito buscas em diversos locais do Continente e da Madeira.

O Ministério Público voltou a fazer buscas no âmbito dos processos em torno do Universo Espírito Santo. A notícia foi avançada pela SIC Notícias, e foi depois confirmada pela Procuradoria-Geral da República.

Em comunicado, a PGR aponta para “diligências de busca a seis domicílios e sete pessoas coletivas, entre as quais entidades bancárias”. O Ministério Público contou com a intervenção de elementos da Polícia Judiciária, da Polícia de Segurança Pública e da Autoridade Tributária, bem como com a assessoria técnica de elementos do Banco de Portugal e da CMVM. As buscas decorreram em Lisboa e no Funchal.

Nos inquéritos dirigidos pelo Ministério Público relacionados com o Universo Espírito Santo já foram constituídos 17 arguidos, entre os quais 14 “pessoas singulares e três coletivas”, avança ainda a nota. “Estes inquéritos encontram-se em segredo de justiça”, conclui.

O Universo Espírito Santo é o conjunto de sete inquéritos, um deles que integra centenas de queixas de clientes do BES. Entre os arguidos está Ricardo Salgado, bem como outros membros da família e antigos gestores do grupo.

(Notícia atualizada às 20:04)

Comentários ({{ total }})

Universo Espírito Santo volta a ser alvo de buscas. Já há 17 arguidos

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião