ByteDance destrona Uber. Torna-se na startup mais valiosa do mundo

Após uma ronda de financiamento, a startup chinesa ficou avaliada em 75 mil milhões de dólares, um valor de mercado superior ao da Uber (72 mil milhões de dólares).

A startup chinesa ByteDance fechou uma ronda de financiamento que a deixou avaliada em 75 mil milhões de dólares. De acordo com a Forbes (conteúdo em inglês), passa a ser a startup mais valiosa do mundo, ultrapassando a Uber. Contudo, isto poderá ser temporário, uma vez que a plataforma de transporte está a ponderar realizar um IPO no próximo ano, aumentando o seu valor de mercado para mais de 100 mil milhões.

Foram três mil milhões de euros de financiamento, injetados por investidores locais e internacionais, entre eles o Grupo SoftBank. De acordo com uma fonte próxima do processo, contactada pela Forbes, a nova avaliação eleva a ByteDance para 75 mil milhões de dólares, tornando-se na maior startup do mundo.

Com esta recente injeção de capital, a startup chinesa pretende estrear-se em novos modelos de negócios e crescer ainda mais, tanto na China como no exterior. A ByteDance é atualmente dona da Toutiao, uma plataforma de notícias que gerou 2,5 mil milhões de dólares em receitas através de anúncios no último ano, diz a Forbes. Outro produto popular é a app de karaoke Tik Tok, que conta com 500 milhões de utilizadores. Mais recentemente, a ByteDance lançou várias aplicações de comércio eletrónico, entre eles o site de compras Zhidian e a plataforma Xincao.

O fundador, Zhang Yiming, aumentou recentemente o seu património em 70% para quatro mil milhões de dólares, de acordo com a Forbes China RichList. Antes desta ronda de financiamento, a startup chinesa já tinha captado a atenção de outros gigantes, nomeadamente a Apple. Em outubro, Tim Cook visitou a sede da ByteDance em Pequim.

Esta concorrência forte à Uber pode não durar muito tempo, uma vez que a empresa pretende abrir o seu capital a novos investidores, o que poderá aumentar o seu valor de mercado para 120 mil milhões de dólares. Numa entrevista à CNBC, Dara Khosrowshahi, CEO, disse que a Uber estava no caminho certo para isso, uma vez que os lucros estavam a melhorar. Acrescentou ainda que o IPO poderia acontecer no segundo semestre do próximo ano.

Comentários ({{ total }})

ByteDance destrona Uber. Torna-se na startup mais valiosa do mundo

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião