Wall Street em queda à espera da temporada de resultados empresariais

Investidores manifestam prudência depois de Trump não ter feito qualquer referência ao plano orçamental. E aguardam pelo início da temporada de resultados empresariais em Wall Street.

Donald Trump falou esta quarta-feira mais de uma hora, mas não revelou detalhes sobre o plano orçamental que pretende implementar para fazer descolar a maior economia do mundo. E esse pormenor não passou despercebido aos investidores de Wall Street, que começam evidenciar sinais de desconforto em relação ao compromisso (ou não) da próxima administração com os estímulos prometidos.

Neste cenário, o índice tecnológico Nasdaq, que ontem fechou em valores recorde, cedeu esta quinta-feira 0,19%, acompanhado pelo índice de referência mundial S&P 500 e pelo industrial Dow Jones, que perderam 0,21% e 0,32%, respetivamente.

Avizinha-se uma nova temporada de resultados na bolsa norte-americana, com os principais bancos a darem o pontapé de saída já esta sexta-feira com a divulgação primeiros dados sobre a temporada de resultados.

“As empresas não podem comprar ações e os investidores individuais de repente deixaram de comprar também”, referiu Jeffrey Kleintop, da Charles Schwab, à Reuters, explicando que a falta de apetite por ativos de risco se deveu ao maior interesse do mercado por obrigações, justamente antes do início da earnings season.

PUB

Comentários ({{ total }})

Wall Street em queda à espera da temporada de resultados empresariais

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião