Eletricidade: portugueses trocam mais de operador

Os consumidores trocam cada vez mais de comercializador no mercado livre. O consumo também está a aumentar, num universo que já conta com quase cinco milhões de clientes.

Os consumidores mudam cada vez mais de comercializador de eletricidade. Isto num mercado liberalizado de eletricidade em crescimento, que já conta com perto de cinco milhões de clientes. A conclusão é da Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos (ERSE).

O regulador refere a “tendência crescente de mudanças de comercializador no quadro do mercado livre”, no seu relatório sobre o mercado liberalizado de eletricidade para novembro. A mudança de comercializador é uma característica deste mercado que permite aos consumidores escolher livremente o regime que mais se adequa às suas necessidades.

“Em novembro entraram 39.065 clientes no mercado livre, tendo 21.408 transitado do mercado regulado e 17.657 entrado diretamente para as carteiras de comercializadores em regime de mercado. Foram ainda registadas 45.518 mudanças de carteira entre comercializadores em mercado livre“, explica a ERSE.

Em novembro, a intensidade de mudança de comercializador, em número de clientes, representou 1,9% do total de clientes. Já em termos de consumo, a intensidade com que se efetuou a mudança representou 2,7% do consumo global do mercado continental português, refere o relatório.

Fonte: ERSEERSE

 

Estas mudanças acontecem num mercado que conta já com cerca de cinco milhões de clientes. E onde o consumo continua a aumentar. No mercado livre, “registou-se um aumento de 134 gigawatts (GW) face a outubro para 40.319 GW, o que representa um acréscimo de 0,3% face ao mês anterior e de cerca de 2% face ao homólogo“, diz a entidade, acrescentando que “o consumo no mercado livre representa cerca de 92% do consumo total registado em Portugal continental”.

Neste mercado em crescimento, a EDP Comercial continua a destacar-se pela positiva. A empresa mantém a sua posição enquanto “principal operador no mercado livre”, diz a ERSE, mantendo a sua quota em número de clientes (85%) e em consumo (46%).

Apesar da liderança da EDP Comercial no mercado livre, a Endesa está a reforçar a sua presença nos segmentos de grandes consumidores e clientes industriais, alcançando uma quota de 29%.

Comentários ({{ total }})

Eletricidade: portugueses trocam mais de operador

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião