Confiança dos consumidores atinge em dezembro valor máximo desde 2000

  • ECO
  • 3 Janeiro 2017

Recuperação do indicador em dezembro deveu-se "ao contributo positivo das perspetivas relativas à evolução do desemprego e das expectativas relativas à situação económica do país".

O indicador de confiança dos consumidores aumentou nos últimos quatro meses, de forma mais significativa em dezembro, atingindo o valor máximo desde agosto de 2000, segundo o Instituto Nacional de Estatísticas (INE).

Esta recuperação do indicador de confiança dos consumidores em dezembro deveu-se, sobretudo, “ao contributo positivo das perspetivas relativas à evolução do desemprego e das expectativas relativas à situação económica do país“, explica o INE. A melhoria de perspetivas relativas ao desemprego no país nos próximos 12 meses foi o indicador que teve a recuperação mais significativa, estando mesmo no nível mais de sempre e nas antípodas do pico atingido em março de 2009. Igualmente importante foi o contributo da situação económica do país nos próximos 12 meses, cuja média móvel de três meses passou de terreno negativo para positivo.

Para a melhoria da confiança dos consumidores contribuíram menos expressivamente, “as apreciações da evolução da situação financeira do agregado familiar e da poupança”, explica o gabinete de estatísticas. Os últimos dados revelam que as famílias ainda têm muitas poupanças em depósitos, mas o saldo está a encolher a um ritmo acelerado. Pelo quarto mês consecutivo, o valor confiado às instituições financeiras caiu. Recuou em 800 milhões de euros, elevando para quase 3.500 milhões o montante retirado desde o verão.

Já o indicador de clima económico diminuiu em dezembro na construção e obras públicas. Tanto a perspetiva da carteira de encomendas atual, como o emprego nos próximos três meses, afundaram ainda mais. No caso do comércio., o indicador também caiu, mais por influência do desempenho do comércio a retalho, porque no comércio por grosso até houve uma evolução positiva.

A confiança ao nível da indústria transformadora e dos serviços também aumentou ligeiramente, revelam os dados do INE.

Comentários ({{ total }})

Confiança dos consumidores atinge em dezembro valor máximo desde 2000

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião