Direitos do BCP disparam 40% em dois dias

Depois do tombo na sessão de estreia, direitos do aumento de capital do BCP corrigem em alta ao acumular um ganho de 40% nas últimas duas sessões.

Os direitos do BCP voltam a destacar-se na sessão desta segunda-feira. Avançam mais de 8% para os 0,89 euros e já acumulam uma valorização de 39% nas últimas duas sessões, corrigindo assim do tombo que observaram na sessão de estreia. Estes direitos chegaram ao mercado a valer 1,005 euros.

Com este desempenho, ganham também as ações do banco liderado por Nuno Amado, que se apresentavam em alta de 3,94% para 0,16 euros no arranque da sessão em Lisboa.

Cada direito permite a subscrição de 15 novas ações ao preço de 9,4 cêntimos. Contas feitas, cada nova ação está a ser negociada ao preço de 5,933 cêntimos mais os 9,4 cêntimos de subscrição, totalizando assim os 0,1533 euros. Ou seja, neste momento, comprar as novas ações fica 4,2% mais barato do que comprar as atuais estão no mercado. Consulte aqui a calculadora do ECO para otimizar a sua estratégia de investimento no aumento de capital.

Ações do BCP valorizam com direitos

Fonte: Bloomberg (Valores em euros)
Fonte: Bloomberg (Valores em euros)

De acordo com o calendário da operação, tem até dia 30 de janeiro (próxima segunda-feira) para negociar estes direitos, sendo que o período de subscrição termina a 2 de fevereiro (quinta-feira).

O BCP tem em curso um aumento de capital no valor de 1.300 milhões de euros, uma operação garantida por um sindicado bancário e que vai contar ainda com a irrevogável participação dos chineses da Fosun. Este fim de semana, o semanário Expresso noticiou que também a Sonangol deverá participar neste reforço de capital para equilibrar forças com o grupo chinês na estrutura acionista do banco português.

Com esta operação, o banco vai devolver de forma antecipada os 700 milhões de euros da ajuda do Estado e ainda colocar os seus rácios de capital acima do exigido pelas autoridades bancárias.

PUB

Comentários ({{ total }})

Direitos do BCP disparam 40% em dois dias

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião