Nanny4me, a babysitter dos filhos dos famosos

  • Lusa
  • 1 Janeiro 2017

Empresa especializada em baby-sitting criou 150 postos de trabalho em cinco anos.

Políticos nacionais e internacionais, atletas e treinadores, empresários e artistas são alguns dos clientes de uma empresa do Porto com serviço personalizado de ‘baby-sitting’ que em cinco anos já criou 150 postos de trabalho.

O presidente da Irlanda, a família de Américo Amorim, o cantor Miguel Araújo (ex-Azeitonas), o treinador André Vilas Boas, o ex-basquetebolista da NBA, Nando de Colo, que atualmente joga pelo CSKA de Moscovo, ou o ex-primeiro-ministro Passos Coelho fazem ou fizeram parte do rol de compradores dos serviços do ‘Nanny4me’, disse à Lusa José Canedo, fundador do projeto empresarial que dá apoio às famílias e fornece serviço de ‘baby-sitting’ personalizado a bebés e crianças pelo mundo fora com mão-de-obra especializada.

“Os nossos clientes são pessoas que têm vidas profissionais bastante exigentes. Desde o início do projeto que me associei a várias empresas de prestígio em Portugal e no estrangeiro (…). Logo nos primeiros meses tive uma série de bons clientes que ainda hoje o são. Depois, como o projeto esteve ligado à Universidade Católica durante quatro anos, também foi muito divulgado e ao fim de quatro meses tínhamos um cliente que na altura era primeiro-ministro de Portugal”, recorda José Canedo, 45 anos, gestor de recursos humanos de profissão e fundador do ‘Nanny4me’ em 2011.

Ter ‘nannies’ (amas) especializadas em psicologia, enfermagem, educação do 1.º Ciclo ou com cursos de primeiros socorros pediátricos para salvar crianças em perigo é um dos segredos do negócio do portuense José Canedo.

A necessidade transformou-se em negócio.

José Canedo

Fundador do Nanny4Me

“Na altura tinha de mudar fraldas, dar biberão, fazer festinhas e estava a não ter uma vida social como gostava e vi que precisava de ajuda e queria uma ajuda profissional. Andei à procura e vi que não existia nenhum serviço no Porto”, recorda o fundador da Nanny, assumindo que antes de avançar com o negócio fez um ‘benchmarking’ (espécie de estudo de mercado que compara produtos, serviços e práticas), em Portugal, França e Espanha.

José Canedo queria alguém que acrescentasse valor no acompanhamento das suas crianças, que as estimulasse com atividades pedagógicas. Dessa necessidade a construir uma agência de ‘nannies’ foi um passo.

A ‘Nanny4me’ tem uma base de dados de cerca de três mil pessoas, conseguindo encontrar uma candidata que cumpra os requisitos que cada cliente pretende.

A maioria das ‘nannies’ – 95% – têm formação superior.

crianças miúdos brinquedos filhos

A empresa, com sede na avenida Marechal Gomes da Costa, Porto, oferece o serviço de acompanhamento de crianças em cidades portuguesas como Porto, Lisboa, Viana do Castelo, Viseu, Famalicão ou Esposende.

O serviço estende-se além-fronteiras e está também disponível em Miami e São Francisco (EUA), Londres e Newcastle (Inglaterra), São Petersburgo (Rússia), Paris e Biarritz (França), Dubai (Emirados Árabes Unidos), Luanda (Angola), Dublin (Irlanda), Maputo (Moçambique), ou Madrid, Marbella e Ibiza (Espanha).

A nível internacional, a empresa começou a trabalhar com os “expatriados”, um “nicho de mercado” que prefere trabalhar com uma pessoa portuguesa do que uma local.

“Começámos a ter solicitações de estrangeiros que conheceram os serviços da ‘Nanny4me’ em estadias esporádicas em Portugal ou porque conheceram nos seus países, por indicação de alguém amigo. Neste tipo de serviço o passa palavra é muito importante e o nosso principal ‘marketer’ têm sido os nossos clientes”.

O volume de negócios tem aumentado em cerca de 50% ao ano e em 2016 o mercado internacional representou cerca de 38% da faturação total. O financiamento, esse, foi 100% do próprio José Canedo.

“O objetivo número um é crescer. Sabemos que devido à conjuntura económica atual existem muitas famílias que gostavam de ter este serviço, mas não o podem pagar por enquanto. Mas isso vai mudar, lentamente”.

A agência começou na incubadora da Universidade Católica do Porto em outubro de 2011 e a 23 de novembro do mesmo ano instalou-se no mercado nacional, apostando nas redes sociais, na criação de um ‘site’ na Internet, em ‘bloggers’ nacionais e em parcerias com grupos económicos, designadamente hotéis.

PUB

Comentários ({{ total }})

Nanny4me, a babysitter dos filhos dos famosos

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião